Notícias

São José Vôlei garante vaga inédita na final da Superliga B

Joseenses fecharam o confronto de semifinais contra o Santo André em 2 jogos

Mesmo fora de casa, o São José Vôlei teve todo apoio de sua fiel torcida para vencer o segundo jogo da série melhor de três jogos contra o Santo André, pela semifinal da Superliga B 2014. O jogo, disputado em Santo André, na tarde de sábado (15), foi finalizado no tie-break para o time do Vale do Paraíba, que já havia vencido os adversários em casa na quinta-feira (13) por 3 sets a 1. Com o resultado, os joseenses garantiram sua inédita participação em uma final da Superliga B, com adversário a ser definido.



O jogo foi bem disputado, do início ao fim. Vantagens pulando de um lado para o outro, sem nenhuma das equipes ficar com grande diferença no placar (24/26 e 23/21). Somente no terceiro set é que o São José conseguiu abrir sete pontos a frente, finalizando em 14/21. No quarto set, um deslize dos joseenses deixou o Santo André fechar em 21/18. O tie break foi de pura emoção, com vitória do São José Vôlei por 11/15. Os melhores em quadra hoje foram Carlão, com 15 pontos, sendo 14 de ataque. Rodrigo também mandou bem no ataque, com 12 cravadas. No bloqueio destaque para Rodolpho, Raguzzoni e Kandango. No saque, Rodolpho e Rodrigo, além de aces de Pedrinho, Kandango e Renan. A torcida joseense compareceu e fez muito barulho incentivando a equipe, que não se rendeu às provocações dos torcedores adversários.



Carlão, ponteiro da equipe, comentou sobre as provocações da torcida. “Levo como motivação, quanto mais eles gritam meu nome, mais focado eu fico. Sobre a competição, a gente sonhou em fazer a final em casa. Agora é curtir a vitória, mas trabalhar tecnicamente o máximo possível para não errar nada e ser campeão”. O levantador Pedrinho disse que a semana é para se recuperar, mas sem descansar. “Não podemos parar de treinar, nos concentrar. Vamos acertar algumas coisas, pequenos detalhes. O fator emocional sempre nos ajuda. Prevalece a técnica, mas emocional sempre joga a nosso favor e nos impulsiona”, contou.



O jogador Juninho fala sobre a expectativa para a tão sonhada final: “é uma semana de ansiedade, nervosismo, mas se for em casa, vai ser difícil ganhar da gente. Final é final, tem o fator emocional, mas a gente vai trabalhar. Chegamos no ponto máximo da temporada. O primeiro objetivo foi alcançado, agora é só garantir a vitória e a vaga”.



O comandante da equipe, o técnico Reinaldo Bacilieiri, conta como vai preparar sua equipe. “Agora é recuperar os meninos. O condicionamento físico é bom, mas precisamos trabalhar para uma final. Vamos começar a trabalhar tudo de novo para esse jogo. O momento é de curtir a vitória, porque conseguimos nosso objetivo que era chegar à final. Jogamos bem tecnicamente e taticamente e reagimos com ainda mais força quando provocados”.



A expectativa agora é para o jogo que acontece às 20h de hoje (15), entre Voleisul Paquetá x SADA Contagem. O time de Novo Hamburgo tem vantagem por ter vencido o primeiro confronto fora de casa e agora conta com sua torcida para fechar a série. O time mineiro fez a melhor campanha da primeira fase da Superliga B 2014, terminando em primeiro lugar. Caso o adversário joseense seja o SADA, a disputa final acontece em Minas Gerais, mas se o adversário for o Voleisul Paquetá, a partida única e decisiva acontece em casa, no Ginásio do COCTA.



São José Vôlei

O São José Vôlei é mantido pela Prefeitura de São José dos Campos, com apoio do Colégio e Curso Poliedro, por meio da Lei de Incentivo Fiscal - LIF. É uma equipe de alto rendimento que vem surpreendendo em todas as competições nos últimos anos e que se prepara, com grande expectativa, para sua segunda participação na Superliga B, em 2014. Ficou em terceiro lugar Campeonato Paulista Adulto - Divisão Especial em 2013 e também em terceiro em sua primeira participação na Superliga B da temporada 2012/2013. O São José Vôlei é heptacampeão dos Jogos Regionais, tricampeão dos Jogos Abertos do Interior, campeão do Campeonato Paulista Adulto - 1° Divisão e campeão da Liga Nacional.