Notícias

Lorena cancela carnaval por problemas financeiros

Decisão foi tomada em comum acordo com as Escolas de Samba e Blocos

No início desta semana a cidade de Lorena resolveu cancelar o carnaval 2013. A decisão foi tomada pelo prefeito Fábio Marcondes em comum acordo com os representantes das escolas de Samba e dos blocos.

Antes de chegarem a essa decisão outras possibilidades foram estudadas, porém, não houve um consenso entre as agremiações.

Na reunião o prefeito expôs que teria disponível 150 mil para a cotações de som, iluminação, banheiro químico, segurança, entre outros quesitos para a realização do carnaval.

Além disso, repassaria sete mil para as escolas do 1º grupo e três mil e quinhentos para as escolas do 2º grupo. Mas, algumas agremiações alegaram que esse valor não seria o suficiente.

Fábio Marcondes deixou claro que não queria iniciar o mandato sem realizar a festa.

"Houve um consenso. Sei que conto com o apoio da população, mas é uma marca triste, começo o mandato sem carnaval e isso me incomoda" disse o prefeito.

O presidente da Licesb (Liga das Escolas de Samba e Blocos Lorenense), Fabrício Oliveira de Sá apoiou a decisão do prefeito.

"Concordo com o prefeito em sua decisão. Ele foi transparente desde o início. Infelizmente o recurso disponível é insuficiente. Estou triste porque algumas escolas como a Acadêmicos, Vila Nunes e a Portela, aprovaram o valor disponível, mas as demais não concordaram. Por outro lado, vejo com bons olhos; compreendo a fase difícil da cidade, estamos ajudando a prefeitura a se reerguer e em 2014, faremos o carnaval!", comunicou Fabrício que deixou claro que a liga é democrática.

Fábio Marcondes pretende criar uma comissão permanente, para que durante o ano todas as escolas possam arrecadar subsídios para realização do carnaval, tornando-se independentes da prefeitura.

Informações da Prefeitura de Lorena