Notícias

Cônsul do Equador visita São José e define intercâmbio

Foi assinada a carta de intenção para que São José e a equatoriana Yachay sejam consideradas cidades irmãs. Com isto, será possível ações de intercâmbio em alguns setores.

O cônsul do Equador, Luis Wladimir Vargas, esteve nesta sexta-feira (28) em São José dos Campos e foi recebido pelo vice-prefeito e pelo Secretário de Desenvolvimento Econômico do município. Também participou o presidente da Associação Comercial e Industrial (ACI).

Durante o encontro, foi assinada uma carta de intenção para que São José e a equatoriana Yachay sejam consideradas cidades irmãs. Com isto, será possível realizar ações de intercâmbio nos setores de turismo, tecnologia e de cultura com o Equador. O cônsul estava acompanhado da embaixatriz Lorena Donoso e do gestor da Câmara do Comércio Brasil-Equador, Alexis Villamar.

Segundo o secretário, a relação com o país é muito importante para São José dos Campos, já que existem interesses em comum com o Equador nos setores de defesa e aviação civil. “Precisamos agora potencializar outras oportunidades, pois São José é uma cidade tecnológica e está totalmente disposta a compartilhar seu conhecimento nessa área com o Equador”, afirmou.

O vice-prefeito ressaltou o empenho de São José dos Campos em relacionar-se com outros países por meio de intercâmbios. Salientou também a dedicação do Equador na área de medicina, principalmente no setor de transplantes, e falou ainda da disposição de São José dos Campos em contribuir com troca de informações.

O cônsul Luis Vargas disse que o governo de seu país fez grandes investimentos em educação, saúde, infraestrutura e no turismo e que está sendo construída a cidade planejada de Yachay.

De acordo com ele, São José dos Campos tem o que o Equador quer: conhecimento por meio das universidades e do Parque Tecnológico e experiência no sistema de segurança por câmeras. Além do setor turístico, que é de grande interesse da cidade do Equador.

“Modernizamos aeroportos, aumentamos conexões de vôos, construímos novos portos e o investimento em rede hoteleira está muito grande. Temos muito conhecimento neste setor para oferecer a São José dos Campos”, concluiu Vargas.

Em seguida, o cônsul do Equador conheceu o Cecompi e o Parque Tecnológico de São José dos Campos.